Esse segmento do Sector Financeiro, possui alguns aspectos peculiares que o difere dos demais sectores de actividade empresarial, dos quais ressaltamos em nossa abordagem a «Inversão do ciclo produtivo».

No caso, por exemplo de uma empresa industrial, citando Neto (2014, p. 613) o seu ciclo operacional total, começa com a aquisição de matérias-primas, depois para estocagem, produção e veda e termina com o efectivo recebimento das vendas efectuadas. 1

Segundo (CONTADOR, 2007, p. 97), esclarece que: nas empresas industriais por exemplo, o custo do produto é conhecido não apenas no momento de aquisição de matéria-prima e outros gastos gerais de fabricação até ao produto acabado, como também no momento da venda do Produto Acabado e o resultado da venda, ou seja, o lucro é obtido mediante a diferença entre o preço de venda do produto e o custo de aquisição acrescido os impostos indirectos. Portanto, o conceito é o de custo observado.

2.No caso de uma operação de seguro, o custo total da venda do serviço não é conhecido no momento da operação, no momento da operação são conhecidos apenas alguns custos como custo da apólice, comissão de intermediação no caso de ser uma produção indirecta e outros encargos administrativos.

Apenas no momento de ocorrência do sinistro, após avaliação dos peritos da Seguradora é que se poderá efectivamente conhecer o custo total do serviço, no caso o seguro. Poderá ser zero o custo, se o sinistro não acontecer, ou atingir valores às vezes desconhecidos, inclusive diferidos no tempo, ou seja, o sinistro pode ocorrer muito tempo depois da venda da apólice (seguro de vida, por exemplo).

Analisado sob a ótica de quem adquire um produto de seguro há o desejo de se trocar uma despesa futura e incerta de alto valor (perdas associadas ao sinistro) por uma despesa antecipada e certa, com valor comparativamente menor (valores de prêmios pagos ao segurador).

Por isso, explica-se que há uma transferência de risco do segurado para a seguradora. Por outro lado, a análise da operação pela visão da seguradora deixa claro que o recebimento dos prêmios ocorre, via de regra, antes dos desembolsos com as indenizações dos eventuais sinistros, que podem nem mesmo acontecer.

Em resumo, actividade seguradora difere das demais actividades industriais e comerciais. A inversão no seu ciclo produtivo que permite apenas conhecer o custo total do serviço no momento de ocorência do sinistro, diferente por exemplo de empresas industriais em que o custo total da venda é conhecido logo no momento de venda do produto, podendo portanto, nas empresas de seguro o custo ser zero no caso do risco assegurado não se efectivar.

1 NETO, Alexandre Assaf. Finanças Corporativas. 7. Ed. São Paulo: Editora Atlas S.A, 2014. 790 P. 2 CONTADOR, 2007, P.97

Referências
NETO, Alexandre Assaf. Finanças Corporativas. 7. Ed. São Paulo: Editora Atlas S.A, 2014. 790 P.
CONTADOR, 2007, P.97

Autor: Remígio Raúl Isaías, Estudante de Gestão Bancária e Seguros

DEBATE NAS REDES SOCIAIS:

DEBATE NO ANÓNIMATO: